Carta referente ao Mês de Julho

30/07/2015 00:00

Interior de Caaguazú, Paraguai, Relatório de Julho 2015

Graça e paz do Senhor sejam com todos.

Queridos irmãos e amigos de missões, escrevemos este relatório no intuito de comunicar os trabalhos e necessidades para continuidade dos mesmos. Também desejamos que muitos se levantem em intercessão e apoio financeiro a esta obra.

IGREJAS: Em Carayaó seguem as atividades que falaremos a seguir. À parte disso, temos os três Pequenos Grupos que tem rendido muitos interessados em aprender mais do evangelho, mesmo com dificuldade na hora do discipulado, pois é nessa fase onde a maioria não quer mais contato conosco. Muitos dos que foram ganhos hoje estão afastados ou tem seguido os falsos evangelistas que estão na região e falam do que as pessoas gostam, para satisfazer seus apetites carnais. Estamos orando por estratégias para permanência das pessoas na igreja local, temos nos esforçado em demonstrar o amor de Deus através de nossas vidas e nos esforçamos em ajuda-las, cremos na salvação de muitos. Em Santa Catalina, onde trabalhamos por implantar uma igreja os Pequenos Grupos e Escola Bíblica, fomos poucas vezes devido às chuvas, pois o caminho fica intransitável. O mesmo aconteceu em Repatriación, onde não pudemos ir nenhuma vez durante Julho. Orem pelos irmão, principalmente da Igreja em Repatriación, que já oram por um obreiro fixo há 13 anos. Estamos na expectativa para mudanças em 2016, ore conosco.

CRIANÇAS / SOCIAL: Em Carayaó estamos realizando o Clube OANSA, um ministério para as crianças que trabalha o evangelismo de maneira cronológica. As missionárias Antonia e Talita estão coordenando as atividades que são bem diversificadas. Após cada manhã de sábado com programação, temos um lanche ou almoço para abençoar as crianças. A maioria de famílias é bem pobre e já chegamos a receber 38 crianças. Agradecemos ao Centro Familiar Internacional e Jesus responde pelas doações de materiais e alimentos. Em Santa Catalina a missionária Marta está com o Clube One Hope (Uma Esperança) que atende crianças do projeto de implantação da Igreja local, agradecemos a Assembleia de Deus Paraty pelo apoio a Santa Catalina. Em ambos os trabalhos precisamos de apoio continuo. Também temos repartido alimentos doados com os mais necessitados da região. Contamos com os amados irmãos para alimentação e combate à subnutrição destes.

BASE DE TREINAMENTO: No mês que vem daremos inicio a um curso, Escola de Capacitação Ministerial (ECM), que pretende capacitar irmãos para servir na igreja local de Carayaó e região. No mesmo estarão os irmãos Nelson e Romilla, que já estão conosco há 9 meses na Igreja Batista e são muito dispostos para obra. Também contatamos pastores da região que devem enviar outros irmãos. Os três alunos da base completaram seu primeiro mês de treinamento. São eles o brasileiro Oscar, que está em treinamento em parceria com a Missão Casa do Oleiro, e os paraguaios Santi e Silvio, que estão diretamente pela Missão Total. Buscamos padrinhos que possam adota-los e manter seu treinamento, pois a base tem muitos gastos e eles precisam ser supridos quanto a alimentação e materiais de estudo. Os mesmo também tem se envolvido nos trabalhos práticos da missão.

OBREIROS: Os cooperadores Santiago e Antonia tiveram que mudar de casa, já que as chuvas foram intensas e a pequena casa da igreja encharcou. Alugamos outra casa para os mesmos e os obreiros em acompanhamento Nelson e Romilla, que estão sendo preparados pelo Santiago, estão arrumando a casa da igreja e se mudando aos poucos pra lá. Também estamos trabalhando para o escoamento das águas de chuvas no local, já há alguns dias pararam e tudo está voltando ao normal. Os missionários Rodolfo e Talita, nossos cooperadores, precisam mudar de casa devido à umidade. Eles também enfrentam um problema com o carro e não encontram a peça para arrumar, assim o carro está gastando muito combustível e sai caro os deslocamentos até os trabalhos da missão.

COORDENADORES: Marcio e Marta, os coordenadores do trabalho, pedem oração pelas finanças já que as entradas seguem iguais, apesar do aumento do trabalho, o que gera mais custos. À parte disso, o real desvalorizou mais de 50 % em relação à moeda paraguaia nos últimos anos e aqui os alimentos, combustível e vestuário estão bem mais caros que no Brasil! A manutenção de tudo é um milagre devido a realidade atual, gloria a Deus! Muitos mantenedores tem tido dificuldade em manter o compromisso. Pedimos oração para que saibamos passar pelos momentos de privação com alegria e que Deus abra as portas para nós e aqueles que suprem essa obra. Também para que novos parceiros possam adotar os obreiros e projetos em execução e assim continuarmos a tarefa de alcançar os menos alcançados. Ore e se comprometa, Missões é a razão de existir da Igreja!

"Esforçando-me sempre em anunciar o Evangelho onde Cristo ainda não é conhecido"  Romanos 15.20

Deus os Abençoe / Ñandejara Tanderovasa

No Amor de Cristo, equipe Missão Total Paraguai